Sem salários, funcionários repudiam acordo de demissão voluntária

Há dois meses sem receber seus salários, funcionários terceirizados que prestam serviços de limpeza para as escolas de Volta Redonda realizam nesta terça-feira, dia 06, uma assembleia para discutir o caso.

Além dos atrasos, a categoria denuncia que os últimos salários do ano foram pagos de forma parcelada. “Muitas dessas moças estão passando por sérias dificuldades financeiras e as diretoras precisam fazer vaquinha para que algumas possam comer ou pagar contas essenciais”, diz a nota enviada pela entidade.

Os empregadores dos funcionários (Via Result, Via Serven e Conservadora Cidade do Aço) teriam proposto como solução para o problema a demissão voluntária. “Casos elas assinem esse acordo abusivo, perderão seus direitos. Pior, vão continuar em seus postos de trabalho, esperando a boa vontade dos empresários para pagá-las ou mesmo regularizar sua situação”.

O encontro acontece às 18 horas na sede do Sindicato dos Profissionais da Educação, na Rua Luis Alves Pereira, 305, no bairro Aterrado.

Autores Diversos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Aldeia Expo 2016 anuncia novo parque na Bahia

seg dez 5 , 2016
Na manhã de ontem, 04 de dezembro, o Aldeia das Águas Park Resort, em Barra do Piraí, promoveu o Aldeia Expo 2016. O evento, realizado anualmente desde 2014, reuniu profissionais da imprensa e autoridades para o anúncio dos investimentos para a próxima temporada do parque. Na ocasião, foram anunciados pacotes […]

Arquivos

Categorias

Meta