PM apreende mais de 3 mil armas de fogo no primeiro semestre em todo o estado


No primeiro semestre deste ano, somente os policiais militares apreenderam 3.458 armas de fogo, uma quantidade um pouco superior à registrada no mesmo período do ano passado, quando foram retiradas de circulação 3.430 armamentos em todo território estadual. Já em relação aos fuzis, houve um aumento de quase 20% do número dessas armas de guerra apreendidas: foram 182 nos seis primeiros meses de deste ano e 153 no mesmo período de 2020. 

Os números constam do levantamento divulgado na quinta-feira (01/07) pela Subsecretaria de Inteligência (SSI) da Secretaria de Estado de Polícia Militar. O levantamento da SSI revela ainda que no primeiro semestre deste ano, os policiais militares efetuaram 16.578 prisões de criminosos. No mesmo período, foram apreendidos 2.031 adolescentes envolvidos em atividades ilícitas. Com a conclusão do balanço do primeiro semestre de 2021, o número total de armas de fogo apreendidas por policiais militares nos últimos dois anos e meio (entre janeiro de 2019 e junho de 2020) chega a 18.171, entre as quais 936 fuzis. 

–  Retiramos de circulação quase 20 mil armas, entre fuzis, pistolas, revólveres, granadas, metralhadoras, espingardas e outras. Esse número revela o trabalho incansável dos policiais militares em defesa da sociedade, mas revela também o tamanho do nosso desafio – disse o Secretário de Estado de Polícia Militar, Coronel Rogério Figueredo de Lacerda ao receber os números da SSI. 

Além de reforçar o trabalho integrado com as demais forças de segurança do estado, especialmente a Polícia Civil e a Secretaria de Administração Penitenciária, e do governo federal, a SEPM lançará até o final deste mês o programa Cinturão de Divisas, tendo como um dos principais objetivos o combate ao tráfico de armas. 

– Teremos policiamento permanente, 24 horas por dia, com a instalação de 15 postos nas rodovias estaduais nos pontos de divisa entre o Rio de Janeiro e os estados da Região Sudeste – São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo – informa o secretário Figueredo.

Nathália Azevedo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Volta Redonda tem queda no número de mortes e internações por Covid-19

sáb jul 3 , 2021
Redução de mais de 60% dos óbitos nas últimas é atribuída ao avanço da vacinação e a manutenção das medidas de prevenção

Arquivos

Categorias

Meta