Primeira etapa do projeto de iluminação de LED garante economia de quase 90 mil mensais para Volta Redonda

A implantação de lâmpadas de LED, substituindo as de vapor de sódio e metálicas (amarelas), vai garantir uma economia de R$ 88.287,28 por mês aos cofres da prefeitura de Volta Redonda. A redução começa a ser registrada já na segunda semana de outubro, quando será concluída a primeira fase do projeto de eficiência energética na cidade. Em breve, a iniciativa será levada aos bairros.


Até o momento, mais de 1.300 luminárias já foram instaladas, atendendo os principais centros comerciais do município. Ao todo, 2.117 lâmpadas serão trocadas. Além da economia, a tecnologia garante maior luminosidade e aumenta a sensação de segurança.

Segundo o coordenador do projeto de eficiência energética de Volta Redonda, o engenheiro Sebastião Leite, a economia nesta primeira fase pode até superar os R$ 90 mil, alcançando R$ 100 mil nos próximos meses. Com a implantação da segunda etapa, a redução no consumo de energia mensal com iluminação pública deverá ser de, pelo menos, 50%.
“Esperamos concluir esta primeira fase até dia 8 de outubro. Já a segunda, dependerá do Governo do Estado, que atenderá 27 mil pontos da cidade. A iluminação à LED prima pela distinção de cores e pela eficiência, ou seja, você tem a mesma quantidade de iluminação com uma nitidez muito maior. Dependendo do sistema, pode haver uma economia de energia de até 60% em relação ao modelo convencional que tínhamos. Com a segunda etapa concluída, teremos uma economia de R$ 800 mil por mês”, disse Leite; informando que a segunda etapa vai levar a iluminação para os demais bairros de Volta Redonda.

O prefeito Antonio Francisco Neto destacou o trabalho de recuperação da cidade, envolvendo ações como a melhoria da iluminação e infraestrutura.

“Estamos trabalhando em várias frentes para honrar o compromisso de recuperar Volta Redonda. Com parcerias como a que temos com o Governo do Estado, estamos conseguindo importantes investimentos na infraestrutura. O trabalho não para e, em breve, toda a cidade estará mais iluminada ainda”, ressaltou o prefeito.

A nova iluminação já chegou às principais vias da Vila Santa Cecília – incluindo o chafariz e a Praça Brasil; a Avenida Amaral Peixoto e transversais, no Centro; nas Avenidas Antônio de Almeida e Sávio Gama, no Retiro; Avenidas Paulo de Frontin, Lucas Evangelista e 7 de Setembro, no Aterrado; e Avenida Almirante Adalberto de Barros Nunes, a Beira-Rio, no trecho entre o bairro Niterói e a entrada do Belmonte.

Fotos: Divulgação Secom/PMVR.

Nathália Azevedo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

82% das internações por Covid em Volta Redonda são de pessoas sem a vacina

seg out 4 , 2021
O avanço da vacinação contra a Covid-19 em Volta Redonda reflete na redução das taxas de ocupação de leitos no município. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), do total de 1.993 internações por Covid na rede pública (SUS) e privada, neste ano (2021), 82,2% foram de pessoas não vacinadas. […]

Arquivos

Categorias

Meta