Nível do Rio Paraíba do Sul subiu 1,96 acima do normal e Defesa Civil de Volta Redonda está de prontidão

A Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil (COMPDEC) de Volta Redonda informou nesta quinta-feira (28) que está com toda sua equipe de prontidão para atender qualquer ocorrência, por conta das chuvas que atingem a região nos últimos dias. De acordo com o coordenador da Defesa Civil do município, Rubens Siqueira, o Rio Paraíba do Sul estava com 1,96 acima do nível normal na manhã desta quinta.

“Esse volume é consequência da chuva de mais de 100 ml que caiu no município de Resende no dia anterior, e leva cerca de 8 horas para chegar aqui em Volta Redonda”, explicou Rubens.

Segundo Rubens, foi necessária a interdição das pistas que passam por baixo das pontes Pequetito Amorim e Presidente Médici, no Aterrado. O coordenador ressaltou ainda que a represa de Furnas opera com 40% da capacidade e o escoamento da água em Volta Redonda segue normal.

Estado de Alerta começa dia 1º de novembro
De acordo com a Defesa Civil, a previsão é de chuva fraca a moderada para o feriado prolongado de Finados, entre os dias 30 de outubro e 2 de novembro. Para evitar prejuízos de acidentes naturais para a população, reduzindo as consequências negativas, o prefeito de Volta Redonda, Antonio Francisco Neto, sancionou o decreto 16.830 que estabelece o estado de alerta em todo o município de Volta Redonda no período de 1º de novembro de 2021 a 31 de março de 2022. O período é definido para as ações necessárias da Defesa Civil no socorro emergencial da população, podendo usar toda a estrutura administrativa da prefeitura – incluindo órgãos e secretarias municipais. A Defesa Civil pode ser acionada pelo telefone 199.

O coordenador da Defesa Civil explica como será a atuação do órgão durante a fase de alerta. “A partir do dia 1º de novembro, inicia-se o período de alerta de verão. Esse período é declarado pelo Poder Executivo Municipal, devido às chuvas extremas que ocorrem onde o sistema de Defesa Civil, composto pelas secretarias e autarquias, voltam suas atenções de pronta resposta ao plano de chamadas para as ações de natureza hídrica, geológica e humana, em cumprimento ao Plano de Contingência do município”, afirmou Rubens.

Cartilha da Segurança
Segundo Rubens Siqueira, diante do cenário de alerta, a Defesa Civil orienta toda a população de Volta Redonda quanto ao comportamento seguro. Estes devem ser os procedimentos contra riscos:

“Não ocupe áreas de preservação próximas ao Rio Paraíba do Sul e córregos, ou próximo a encostas. Não jogue lixo nas encostas ou nas calhas de rio, ribeirão ou córregos. Não realize escavações, aterros ou construções irregulares, sem acompanhamento de responsável técnico. Não realize capinas, queimadas, que é crime ambiental. Evite transitar ou trafegar no período de chuva forte ou em local alagado. Nunca procure abrigo debaixo de árvores. Observe qualquer alteração estrutural em sua residência. E lembre-se: precisando sair da sua residência por qualquer cenário de ameaça, desligue o gás de cozinha, a rede elétrica, pegue documentos, remédios e busque um local seguro. Acione a Defesa Civil, através do telefone 199”, informou.

No período previsto, estarão à disposição da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil – COMPDEC: todos os setores da Administração Pública, principalmente as secretarias municipais de Infraestrutura (SMI), Planejamento (Seplag), Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (IPPU), Ação Comunitária (Smac), Meio Ambiente (SMMA), Saae-VR, Transporte e Mobilidade Urbana (STMU), Ordem Pública (SEMOP), bem como os conselhos tutelares que prestarão a assistência necessária às solicitações que lhes forem encaminhadas.

O decreto determina ainda que os secretários municipais, presidentes e diretores de autarquias atuarão em conjunto com a Defesa Civil, sempre na prevenção e atuação efetiva em todas as situações que se apresentarem em decorrência das anormalidades previstas no ‘Estado de Alerta’. Esse trabalho é feito diariamente, durante 24 horas, permanecendo plantonistas na sede da Defesa Civil de Volta Redonda.

Nathália Azevedo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Governador Cláudio Castro sanciona lei que regula uso de máscara

qui out 28 , 2021
O governador Cláudio Castro sancionou, na tarde de hoje (27/10), a lei que regula o uso de máscaras de proteção facial no Estado do Rio de Janeiro. A decisão será publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (28/10), depois de ser aprovada pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) em […]

Arquivos

Categorias

Meta