Animais são resgatados em condições de maus-tratos no Santo Agostinho

Quinze cães e mais de 60 pássaros foram resgatados na manhã desta segunda-feira (dia 25) em Volta Redonda, em uma ação da Coordenadoria de Proteção e Bem-Estar Animal, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), em parceria com a Guarda Municipal e a Polícia Civil. Eles estavam em um imóvel no bairro Santo Agostinho. O proprietário do móvel, que se apresentou como dono dos animais, foi detido e encaminhado à delegacia da Polícia Civil (93ª DP).

Segundo a coordenadora de Defesa e Bem-Estar Animal, Ana Andrade, a fiscalização chegou até o local após denúncias de que o tutor fazia criação dos animais para comercialização, mas os mantinha em condições insalubres.

“Nós chegamos até o endereço das denúncias, mas ele se recusou a nos receber. Acionamos a Polícia Civil e a Guarda Municipal e constatamos essa situação de maus-tratos. No total, são 15 cães das raças bulldog francês e american bully que eram mantidos em condições insalubres. Muitas fezes, água suja e temos a suspeita de que pelo menos duas fêmeas estejam grávidas, pois eram mantidos para cruzarem e os filhotes serem comercializados”, comentou Ana.

Os animais foram recolhidos e encaminhados para avaliação veterinária. Em seguida, os cães devem ser levados para pessoas que já demonstraram interesse em realizar a tutoria responsável.

Fotos: Divulgação/Secom PMVR

Nathália Azevedo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Voltaço segue embalado e sobe para a 4ª posição

seg jul 25 , 2022
O Volta Redonda segue cada vez mais perto da classificação para a próxima fase da Série C do Campeonato Brasileiro. Com dois gols de Rafhael Lucas (Hugo Almeida diminuiu para os visitantes), o Voltaço venceu o Ypiranga-RS, por 2 a 1, na noite desta segunda-feira (25/07), no Raulino de Oliveira, […]