Maurício Pessôa critica a discussão sobre ideologia de gênero nas escolas

14/11/2017

 
O vereador Maurício Pessôa (PSC), se mostrou preocupado com as constantes discussões sobre ideologia de gênero nas escolas, durante a sessão dessa segunda-feira (13), na Câmara de Volta Redonda-RJ.

 

O parlamentar sugeriu que o assunto não seja um foco recorrente na Casa. O comentário aconteceu após Paulo Conrado (PRTB), que presidia a sessão no lugar de Sidney Dinho (PEN), trazer para à discussão o tema. “Deixa as pessoas serem o que elas quiserem ser. Meu Deus do céu! Onde é que nós estamos? Professor tem que ensinar as matérias... português, matemática, química. Os alunos de hoje estão sem saber uma tabuada. No meu tempo só se saía da escola se soubesse. Quem educa os filhos são os pais. Quem educa meus filhos sou eu! Discutir se é menino ou menina. Isso é uma discusão secundária”, lamentou o vereador.

 

O parlamentar disse ainda que “estamos perdendo tempo em discutir isso”. Ele defendeu a liberdade de quem quiser ser o que quiser. Maurício propôs que ao invés de se discutir gênero, pensar em soluções para educação. “Lamentável que em pleno século 21 estejamos discutindo essa questão. Enquanto se vê um jovem que não consegue escrever bem uma redação. No momento certo todos vão escolher o que querem ser. Ficamos discutindo isso, enquanto os professores são mau remunerados. Além de presenciar nossos jovens alienados com celulares e coisas sem cultura”, comentou o vereador.

 

Em vários momentos o vereador foi aplaudido pelo público, a maioria rodoviários, que acompanhavam a sessão. O parlamentar deixou claro que esse assunto é “menor” em relação a outras questões muito maiores, como a qualidade do ensino no país e na cidade.

Share on Facebook
Please reload

Please reload

© 2023 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com