Flamengo e Coritiba jogam em Brasília de olho no G6 do Brasileirão

Classificado às quartas de final da Copa Libertadores e da Copa do Brasil, o Flamengo tenta, enfim, engrenar no Campeonato Brasileiro. Do outro lado, o Coritiba busca a primeira vitória longe de casa, onde fez 17 dos 19 pontos somados até o momento. O duelo entre rubro-negros e alviverdes será neste sábado (16), às 19h (horário de Brasília), no Mané Garrincha, em Brasília, pela 17ª rodada da competição nacional. As informações são da Agência Brasil.

O compromisso diante dos paranaenses será o primeiro de dois que o Flamengo terá na capital federal. Os cariocas levaram o duelo para Brasília devido à manutenção do gramado do Maracanã, no Rio de Janeiro. Além do Coritiba, o Rubro-Negro ainda enfrentará o Juventude no Mané Garrincha, na próxima quarta-feira (20), às 20h30, pela 18ª rodada.

Nono colocado do Brasileiro, com 21 pontos, o Flamengo pode, no máximo, encerrar o fim de semana na sétima posição se vencer neste sábado. O Athletico-PR, sexto colocado, tem 27 pontos. Pela competição, o Rubro-Negro vem de derrota para o Corinthians, por 1 a 0, na Neo Química Arena, em São Paulo, há uma semana. Por outro lado, na última quarta-feira (13), o clube carioca bateu o Atlético-MG por 2 a 0, no Maracanã, na melhor atuação desde a chegada do técnico Dorival Júnior, assegurando vaga às quartas da Copa do Brasil.

Além do goleiro Diego Alves, que se recupera de pubalgia (dor no pubis) e do atacante Bruno Henrique, com joelho direito recém-operado, Dorival terá mais duas baixas diante do Coritiba. O zagueiro Rodrigo Caio sofreu uma contusão no menisco do joelho esquerdo no jogo contra o Corinthians, enquanto o atacante Gabriel recebeu o terceiro amarelo e está suspenso.

Se mandar a campo a força máxima que tem à disposição, Dorival deverá escalar o Flamengo com: Santos; Rodinei, David Luiz, Léo Pereira e Filipe Luís; João Gomes, Thiago Maia, Everton Ribeiro e Giorgian de Arrascaeta; Pedro e Marinho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Moraes dá 2 dias para Bolsonaro se manifestar sobre ação sobre discurso de ódio

sáb jul 16 , 2022
O vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, concedeu hoje (15) o prazo de dois dias para que o presidente Jair Bolsonaro se manifeste sobre a ação protocolada pelo PT e outros partidos oposicionistas envolvendo suposto “discurso de ódio e incitação da violência”.  “Nesse contexto de relevantíssimas […]