Polícia Federal deflagra Operação Lavagem de Ouro em nove estados

A Polícia Federal cumpre hoje (dia 28) 52 mandados de busca e apreensão em endereços relacionados a líderes de um grupo investigado por crimes de lavagem de dinheiro, fruto da extração e comércio ilegais de ouro.

A Operação Lavagem de Ouro é feita em conjunto com a Receita Federal e também busca os principais intermediários que atuam na lavagem desses ativos. Os mandados estão sendo cumpridos em São Paulo, Mato Grosso, Goiás, no Pará, Paraná, na Paraíba, no Rio de Janeiro, em Pernambuco, Rondônia e no Distrito Federal.

A Justiça Federal determinou o bloqueio de contas de 40 investigados, no valor de até R$ 614 milhões. Foram aprendidos, até o momento, aparelhos de telefonia móvel e computadores dos investigados, documentos relacionados ao comércio ilegal de ouro, além de ouro em diversos endereços.

Os crimes apurados são de lavagem de ativos, receptação qualificada, falsidade Ideológica, redução do pagamento de tributos federais, dificultar a ação fiscalizadora ambiental do poder público, por meio da omissão no pagamento de compensação financeira pela exploração de recursos minerais, promoção de organização criminosa e usurpação de bem mineral da União.

Com informações da Agência Brasil

Nathália Azevedo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Volta Redonda retoma uso de máscara em locais fechados

ter jun 28 , 2022
Para ampliar a proteção contra a Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) decidiu estender o público-alvo para receber a 4ª dose (o segundo reforço) em Volta Redonda. Além disso, a Prefeitura emitiu nesta segunda-feira, dia 27, decreto retomando o uso obrigatório de máscaras faciais em locais sem ventilação natural […]